Olá, eu sei que pode parecer um pouco "tarde demais", mas eu super quis vir vos mostrar uma lista de coisas que eu quero fazer, estão todas misturadas. Espero concluir todas em pouco tempo, mas é claro que a medida que se iram cumprir metas novas aparecerão então vamos as metas?!:


  • Fazer a faculdade fora (de Angola, bons destinos seriam Holanda, Inglaterra e França);
  • Viver sozinha durante o período da faculdade (se eu estiver fora!);
  • Cozinhar mais (comida de verdade não doces!);
  • Fazer intercâmbio (posso escolher para o mundo todo?!);
  • Visitar todos os monumentos turísticos dos países por onde eu passar;
  • Aprender a fazer nail arts (e comprar os materiais para tal);
  • Adotar mais uma cadela (talvez quando estiver a viver sozinha u.u);
  • Ser uma dar maiores arquitecta mundiais (posso sonhar né?! :P);
  • Fazer bonequinhos de biscuit (quero aprender, mas, a preguiça fala mais alto);
  • Conhecer vários lugares do mundo;
  • Fazer um curso de confeitaria (olha como os doces me perseguem!);
  • Aprender a me maquiar (afinal tem sempre uma festinha!);
  • Ter a linha de make completa dos 1D (o sonho das directioners);
  • Conhecer os One Direction (ok, isso não podia faltar um dia eu chego lá);
  • Fazer um curso de inglês (tenho de me comunicar com os 1D um dia);
  • Ter um Iphone (um sonho de consumo de todos os loucos por tecnologia);
  • Fazer um curso de fotográfia
  • Ter uma camêra fotográfica semi-profissional (se vou fazer um curso!);
  • Arranjar um emprego! (sério pode ser agora, depender é horrível!);
  • Ir à um show de um cantor internacional (estão na minha lista, os 1D, a Miley, a Taylor, a Katy Perry, a Queen Be, os 5SOS, a Riri, o Pharell Williams, o Bieber, o Bruno Mars, a Minaj, o Timberlake, o Ed Sheeran e muitos outros);
  • Fazer um curso de desenho (quem sabe me torno na futura Davince);
  • Acampar (acreditam nunca acampei! :(, aqui é difícil acampar );
  • Conhecer as 18 províncias de Angola (o mundo espere para ouvir falar de Shelsea Ross);
  • Brincar na neve (fala sério! todo mundo que vive em país tropical deve ter essa vontade);
  • Aprender a tocar violão;
  • Saber tocar mais de um instrumento (quem sabe o piano?);
  • Escrever um livro;
  • Fazer aulas de canto (só para o caso de o Niall me chamar para cantar os 1D no palco!);


Gostou? Se identificou com alguma? Já fez a sua ou esta espera de convite? Se for o caso o convite esta feito!


Beijinhos,
Shelsea Ross



"Os meus pensamentos são como estrelas que não consigo transformar em constelações"
- August Waters 
(A culpa é das estrelas)

Eu nem sei como começar a resenha de tanto que eu tenho para falara sobre o livro, é o tipo de livro que te prende por várias razões. ele te faz: chorar, rir, dar festejar, viajar no tempo e no espaço e parece que você fica com um pouco de raiva até mas para ler, você não para porque é como se o livro te prendesse e disse-se a não me larga até você me acabar, enfim vamos a isso...


A culpa é das estrelas (título original the fault in our stars) de John Green é um livro que eu não sei como classificar, mas acho que esta entre uma comédia romântica e uma drama. O livro conta a estória de Hazel que tem um  câncer nos pulmões que os impede de (digamos) respirar (ou armazenar o ar), o livro começa com Hazel perto de completar seus 17, quando sua mãe deduz que ela deve estar deprimida por ler sempre vezes consecutivas o mesmo livro (Uma aflição imperial que fala sobre o câncer de uma forma que alguns consideram derrotista, mas ela acha realista), então a leva ao hospital para fazer uma mudança de sua medicação e também a convence a frequentar uma espécie de "grupo de apoio", que fica (tipo, literalmente) no coração de Jesus, onde na maior parte do tempo troca suspiros com Isaac (rapaz que teve um problema com câncer ocular e teve de ficar sem um dos olhos e no seu lugar ganhou um olho de vidro), essa era a sua rotina até que umas das reuniões do grupo foi diferente e sua estória começou a mudar, Isaac ia fazer um cirurgia e tirar o outro olho, ou seja, ia ficar cego de vez e por isso levou consigo o seu amigo August Waters (rapaz de 17 anos, que havia perdido parte da perna na luta contra o câncer) para a reunião e por algum motivo ele e Hazel não paravam de se encarar, no fim da reunião ele a parou, conversaram e ela foi até parar na casa dele para ver um filme, Gus (como August era chamado por alguns mais íntimos) dirigia péssimamente, após este dia eles só foram se vendo com mais regularidade, e foram ficando cada vez mais próximos, até que um dia decidem pedir um desejo aos génios para ir à Amesterdã conhecer o autor de "Uma aflição imperial" e saber o que acontece com os personagens do livro após a morte da protagonista (Ana que tenha câncer), e lá têm o que podem chamar de melhores dias de suas vidas, mas a visita ao autor não é o esperado, o que era para ser a alegria da viagem se tornou a decepção, mas ele não se abatem assim tão fácil e terminam o dia com a sua primeira vez (a cena é linda, de ler e ver, já vi o filme!), No fim de a culpa é da estrelas um dos nossos queridos protagonistas morre mas não é aí que acaba... Só que você vai ter de ler o livro para descobrir o que acontece.


Eu primeiro vi o filme e depois li o livro, tem algumas diferenças, mas claro que eu não esperava que o filme fosse igualzinho ao livro, para quem não gosta de ler eu recomendo ver o filme que acreditem é tal lindo, emocionante e interessante quanto o livro.

Espero que vocês tenham gostado. Quem já leu? Quem ainda, ficou com vontade?

Beijos,
Shelsea Ross


É isso mesmo meninas nós chegamos nas 100 curtidas na pagina do blog no facebook (melhor que isso só chegar nos 100 seguidores ou comentários né?!). Estou tão feliz que nem sei o que escrever então fiquem com Deus porque eu vou lá fazer a dancinha da vitória e comemorar o sucedido ok?!



Olá leitores fiéis, hoje eu vim com mais um playlist só que desta vez é de um cantor que eu não sei se vocês conhecem o nome dele é Anselmo Ralph ele é Angolano (como yo!), mas já conseguiu o seu lugar na musica internacional ao gravar com astros como Rick Ross e ao ser reconhecido nas ruas de Portugal ao ponto de ser chamado para ser júri do programa The Voice Portugal, já fez show por quase toda Europa e África, mas a América não fica de fora porque ele também já passou por lá, agora conhecido como Cúpido (nome de um de seus álbuns) o nosso super homem quebra corações com as suas letras românticas e super emocionante, então apertem o play e apreciem o som do cúpido com Anselmo Ralph:





Espero que tenham gostado de ouvir o cúpido, digam-me o que acham e se já o conheciam, Beijos

Shelsea Ross


Eu não sei se já falei aqui ou marquei a minha posição mais se não deixem-me dizer agora que eu sou feminista e apoio o feminismo, o texto que se segue não foi escrito por mim mais sim pela Amanda do blog Nanaland, não sei se esta activo ainda mas vale a visita mesmo assim então se você também gosta de igualdade (e da Rihanna) leia o texto:

You-da-One-02


rihanna-where-have-you-been-1Rihanna tem abalado o mundo hip-hopistico. Isso porque essa mulher de 24 anos tem uma atitude que vai do ousado à um feminismo assustadoramente sexual. Sempre passei horas assistindo os clipes na televisão desde a extinta Mtv Hits até o novo Vh1 HD, e acompanho a barbadiana desde o seu primeiro cd, onde sua beleza era mais inocente que óbvia.
Ao ponto.
Em todos os lugares que eu vi os clipes “You da One” e “Where Have You Been20120419rihanna-smoke-snoop-and-warren-gcomentavam da coreografia ousada da moça, que enaltecia sua xana/xoxota/vagina. Sem purismo leitor. É notável que o mundo não está preparado para o tipo de mulher que Riri (para os íntimos) representa.
Aqui em terras tupiniquins podemos citar o funk, sem muita análise, já grita essa fase onde a liberdade e igualdade, principalmente a sexual, que é dita sem meias palavras em versos como: “fama de putona só porque como teu macho” de Tati Quebra-Barraco. Ou os versos de Valescka Popozuda que canta: “quero te dar, quero te dar, quero te dar”.
Voltando para Rihanna, não é só sua música. Suas atitudes, roupas, gestos e fotos são sempre polêmicas, mas a verdade, é que a moça é um gangster, numa versão feminina.wizkhalifa1
Snoop Dogg, Tyga, Soulja Boy, Wiz Kallifa (da foto), T.I… talvez você nunca tenha ouvido falar deles, mas pra quem escuta rap/hip-hop, esses são nomes conhecidos. O que tem eles? ambos fumam como um gangster, fazem tatuagens como traficantes e usam colares e dentes de diamantes, repito que pra quem não conhece a cultura hip-hop tudo isso é estranho, mas é algo comum no meio. Bling-bling
A cantora desafia a ordem, e choca por isso. Até a “dança” que nos rap’s os homens seguram a calça no…meio, ela faz e me permitam dizer, melhor. É proposital? ela quer causar? sim, não, talvez…não sei! Mas é óbvio que o barulho é imenso e vende.
Em suas músicas ela se compara com uma limusine, te diz pra calar a boca e dirigir. Fala que precisa de alguém que “mande ver” para dar em cima e que você não aguenta com ela. Tá certa a Rihanna, mulheres querem ser iguais? desejam iguais! Porque não demonstram?!
Enquanto Ela for uma exceção à regra, o mundo vai continuar achando que fumar, dançar, falar palavrões, e não se importar com todo o resto, são coisas de homens. Tudo isso em pleno século 21.
tumblr_lpkpnbN7tM1qewmu6o1_500
by Nanapocket




Gostaram ou amaram beijos amores